The Lair of Seth-Hades: SER RADICAL
Arte: Meats Meier - http://beinart.org/artists/meats-meier/gallery/meats-meier-2.jpg
Presente do amigo Zorbba Baependi Igreja - artista plástico, poeta e um dos idealizadores da Revista Trimera de Letras e do Projeto Academia Onírica [poesia tarja preta].

LIRA ANTIGA BARDO TRISTE & LIRA NOVA BARDO TARDO

Galera, estou pondo uma conta PagSeguro à disposição, para quem [assumindo o risco por sua própria alma] tenha interesse em adquirir um de meus livros [Lira Antiga Bardo Triste ou Lira Nova Bardo Tardo]. O custo de cada exemplar é de R$ 10,00 + R$ 5,00 de frete. Valeu! :D

P.S.: a PagSeguro não fornece um sistema de cadastro de vários produtos, de modo que, quem efetue a compra, deve me enviar um e-mail [iarcovich@hotmail.com], ou mesmo me deixar 'comment' aqui mesmo num dos 'posts', dizendo qual exemplar deseja receber. Por hora, a forma de pagamento disponível é apenas a de boleto bancário. Amanhã já liberam pra cartão. ;)

Pag Seguro - compra dos livros

Carrinho de Compras

quarta-feira, 24 de março de 2010

SER RADICAL


SER RADICAL


Colimam para que o mundo piore
Os que esquecem o a priori.
Pouco útil é a filosofia da práxis,
Ao supor prescindir da rádix.
Faltar-lhe-á o sólido fundamento
Para guiá-la ao visado intento.
Porventura se constrói edifício
No limbo arenoso do suplício?
Que tu queres?
Teorizar sobre bolha de sabão?!
A ti mesmo feres,
Desconhecendo a eterna canção!
Tu, que só labutas com lei contingente
És tão-só um espírito indigente
Busca o saber absoluto
E não te cinjas mais de luto.
Não sejas cego, coração altivo,
Quando dizes: tudo é relativo.
Sei que isto é bem verdade,
Mas somente em pouca parte.
Certamente, absoluta seria,
Se, em todo, fosse verdade,
A afirmação que se fazia;
O que é impropriedade.
Como pode absoluta ser,
A lei que teima em dizer
Que tudo é relativo?
Eu te digo compassivo:
Ela a si está contradizendo,
E absoluta se fazendo.
E não me chames de parcial,
Sequer mereço ser chamado radical.
Pois parcial eu seria toda vida,
Se isto te abrisse os olhos para a eterna lida.
Achas tu ser radical termo pejorativo?!
Para teu preconceito, procura outro paliativo.
Queria eu poder ser radical
E vislumbrar o alvo final.
Radical é quem as raízes procura 

E, sendo cego, vê luz em noite escura;

É quem persegue, da Verdade, a essência
E não se conforma com empírica maledicência.

Francisco de Sousa Vieira Filho.

FONTE:  VIEIRA FILHO, Francisco de Sousa. Lira Antiga Bardo Triste. Teresina - PI: Gráfica e Editoria O Dia, 2009. v. 500. p. 47 e 48.

ARTE:  http://18.media.tumblr.com/tumblr_kw6srowTr01qa53xho1_500.jpg

10 comentários:

Lara Amaral disse...

Recado dado, muito bom, amigo!

Beijo grande!

Francisco de Sousa Vieira Filho disse...

Meio diferente do habitual, né?! Beijão, Cara Lara! :D

Fouad Talal disse...

"Tu, que só labutas com lei contingente
És tão-só um espírito indigente
Busca o saber absoluto"

sei... advogando sobre o divagar...

Tô na cola.

Francisco de Sousa Vieira Filho disse...

Captou bem a mensagem, Fouad Talal - na veia!!!! :D

Seja bem-vindo!

;)

Lara Amaral disse...

Diferente de um modo que muito me agrada. Talvez vc fuja dele porque te expõe mais.
Mas sei que é muito bom!

Beijo!

Bergilde Croce disse...

Navegando em pesquisas o Google me trouxe ao seu blog e gostei do estilo e dos registros aqui publicados.Desde já seguindo uma nordestina que vve na Itália,Bergilde Croce.
*E sobre ser radical,às vezes só uma decisão radical pode mudar definitivamente as nossas vidas,falo por mim!

Francisco de Sousa Vieira Filho disse...

Em parte isso mesmo, em parte o gosto pela forma... o desapego ao estrutural implica ser mais explícito, não tem jeito... mas a poesia é também desnudar-se... :D

Beijos mil, Lara!

;)

Francisco de Sousa Vieira Filho disse...

Seja bem-vinda por cá, Bergilde... nordestinos somos dois então... ;) radicalizemos então!!! :D

Forte abraço!

;)

Francisco de Sousa Vieira Filho disse...

Se "tudo é relativo" esse relativismo se aplica à regra que diz tudo seja relativo? Ou a regra que diz "tudo é relativo" é - ela mesma - regra absoluta, sendo uma exceção ao que expressa? :D

Silvia Masc disse...

Radical é quem as raízes procura E, sendo cego, vê luz em noite escura;É quem persegue, da Verdade, a essênciaE não se conforma com empírica maledicência.

Caiu como uma luva, para uma situação que enfrento agora!

beijinho e obrigada.

Pessach sameach!