The Lair of Seth-Hades: BRINCADEIRA DE CARNAVAL
Arte: Meats Meier - http://beinart.org/artists/meats-meier/gallery/meats-meier-2.jpg
Presente do amigo Zorbba Baependi Igreja - artista plástico, poeta e um dos idealizadores da Revista Trimera de Letras e do Projeto Academia Onírica [poesia tarja preta].

LIRA ANTIGA BARDO TRISTE & LIRA NOVA BARDO TARDO

Galera, estou pondo uma conta PagSeguro à disposição, para quem [assumindo o risco por sua própria alma] tenha interesse em adquirir um de meus livros [Lira Antiga Bardo Triste ou Lira Nova Bardo Tardo]. O custo de cada exemplar é de R$ 10,00 + R$ 5,00 de frete. Valeu! :D

P.S.: a PagSeguro não fornece um sistema de cadastro de vários produtos, de modo que, quem efetue a compra, deve me enviar um e-mail [iarcovich@hotmail.com], ou mesmo me deixar 'comment' aqui mesmo num dos 'posts', dizendo qual exemplar deseja receber. Por hora, a forma de pagamento disponível é apenas a de boleto bancário. Amanhã já liberam pra cartão. ;)

Pag Seguro - compra dos livros

Carrinho de Compras

domingo, 14 de fevereiro de 2010

BRINCADEIRA DE CARNAVAL




BRINCADEIRA DE CARNAVAL

Se redescobre, enfim, o que procuro
Em teu incerto, assim, cima-do-muro
A boca ardente que ora me faz bardo
E o teu sorriso quente, acúleo dardo

Seja o tesouro, ao fim, tua pele rubra
Em tal fulgor, por fim, te redescubra
O suave arrepio que te fibrila ao seio
Ao menor toque e o mais leve meneio

No bom volteio, afim, teu corpo rubro
O vai-e-vem, de mim, com que te desço
Vendo teu corpo, em mim, eu emudeço

E com o suor marfim, com que te cubro
Embebido amor, de que não me esqueço
É que, em teu colo ardente, eu desfaleço

Francisco de Sousa Vieira Filho

5 comentários:

BAR DO BARDO disse...

DÁ-LHE!!!

FESTIVAL DA CARNE ESPIRITUOSA...

Francisco de Sousa Vieira Filho disse...

Esse é novinho... saindo do forno agora rs... quase-pudico, meio-sacana, bem na medida... :D

Bєzєяяɑ Guimɑŗãeร disse...

Lindo poema...

Pimentinha já passou por aqui...

Só podia ser!
rsrsrrss


Adorei o blog, valeu pelo seguimento.


Até.

Eliana Mora [El] disse...

...seja o 'colo ardente' matéria de muitos sonetos belos, Francisco

beijo,
El

Francisco de Sousa Vieira Filho disse...

Valeu, Eliana, só agora me enveredo por poesia mais, digamos, mundana... inspiração tem vindo farta...
Seja bem-vinda... este espaço é nosso... ;)